A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Notícias Aliança / Evandro Chagas planeja testar vacina contra o Zika

Evandro Chagas planeja testar vacina contra o Zika

Data ainda depende de testes em camundongos e em macacos

Evandro Chagas planeja testar vacina contra o ZikaO Instituto Evandro Chagas (IEC), instituição científica sediada em Belém, informou ontem que pretende fazer os testes da vacina contra o vírus zika em humanos a partir de fevereiro de 2017. A pesquisa, em conjunto com a Universidade do Texas, dos Estados Unidos, está na fase de análise dos testes feitos em camundongos, na cidade norte-americana de Galveston. Os prazos do cronograma podem ser adiados ou antecipados, dependendo dos resultados e da celeridade dos estudos que serão feitos em macacos, na capital paraense, com início previsto para novembro.

Diretor do IEC, o pesquisador Pedro Vasconcelos explica que a pesquisa da vacina contra o zika está na fase de identificação dos clones, que foram preparados e estão sendo selecionados. Aqueles que mais se adequarem a um uso potencial de vacina serão testados em cultivo celular e em camundongos. Depois dessa etapa, um a três clones serão selecionados e trazidos a Belém, onde serão testados em macacos, em novembro.

“A previsão é de se iniciar os testes da vacina em macacos em novembro, mas isso vai depender da evolução dos estudos lá em Galveston, bem como a previsão é de testes das vacinas candidatas em potencial para humanos em fevereiro de 2017, mas  tudo é flexível, pois depende dos resultados em camundongos e da celeridade dos estudos em macacos, aqui’’, observou o pesquisador.

A colaboração institucional entre o IEC e a Universidade do Texas (UTMB) existe há mais de 10 anos. A Universidade e o IEC são Centros Colaboradores da Organização Mundial de Saúde (OMS) para Referência e Pesquisa em Arbovírus, sendo o Laboratório de Referência Internacional de Arbovírus.

O Evandro Chagas não tem abordagem de vacina para dengue. Mas o  Brasil, frisou o pesquisador, por meio do Instituto Butantan, em parceria com os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos (NIH), está na fase 3 da vacina contra a dengue, isto é, a última fase antes de um registro na Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) para uso em saúde pública.

“Se o resultado dos estudos, nessa fase 3, que estão começando agora, forem bons, talvez daqui a um ou dois anos, essa vacina passe a integrar o leque de opções à população. E como será uma vacina financiada em grande parte pelo Ministério da Saúde, ela deve ser usada em termos de saúde pública’’, afirmou o doutor.

Na última segunda, 25, a Anvisa anunciou a comercialização da vacina Dengvaxia, a primeira vacina desenvolvida contra a dengue no mundo, de fabricação da empresa francesa Sanofi Pasteur. Porém, ela não está disponível no SUS, somente em clínicas particulares a preços superiores aos valores cobrados pela indústria – entre R$ 132,76 e R$ 138,53.

Fonte: ORM/News

137 Total Views 2 Views Today
Compartilhe com seus amigos!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Verifique

Exclusivo: Acaba assalto com refém em loja em Belém

Quatro assaltantes fizeram clientes reféns dentro de uma unidade das Lojas Americanas localizada entre a …

Comentários no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *