A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Notícias Aliança / Dez quadrilhas de assaltos a bancos são presas

Dez quadrilhas de assaltos a bancos são presas

Publicado 10h14 por Katiane Silva,

destaque-341969-assalto222

Dez grupos criminosos envolvidos em roubos a bancos no estado do Pará foram presos este ano. A informação foi divulgada, nesta quinta-feira (27), durante entrevista coletiva, na Delegacia-Geral, em Belém, para apresentar sete homens presos, durante operação policial, nos municípios de Capitão Poço e Irituia, nordeste paraense.

Eles são acusados de integrar duas células criminosas especializadas em arrombar bancos com uso de maçarico. Com os presos, quatro revólveres de calibres 38, 18 munições, dois aparelhos de comunicação via rádio tipo HT, um cilindro de oxigênio, maçarico e ferramentas.

Os presos são Edson da Costa Cardoso, 41 anos, de apelido “Presidiário”; Gilvandro Manoel de Souza, 31, de apelido “Nariz”; Marcos Ricardo Gonçalves Brito, 26; Bruno Dantas de Lima, 23, de apelido “Bruno Carioca”; Elielson do Carmo dos Santos, 32; Elienai Paes do Nascimento, 27, e Carlos Sérgio de Oliveira Nunes, 28, de apelido “Mengo”.

Denominada de operação “Mengo”, a ação policial foi resultado de nove dias de investigações. O início, explica o delegado Nelson Pimentel, foi uma informação recebida por policiais da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) de que homens estariam no nordeste do Pará para praticar um grande assalto.

A partir da informação, a equipe da DRCO passou a investigar os passos do grupo. Um deles, conhecido como “Mengo”, foi identificado e passou a ser seguido desde a cidade de Paragominas, nordeste do Pará.

Segundo o delegado Evandro Araújo, ele seguiu, no início da semana para Irituia. Já na terça-feira, ele seguiu junto com outros comparsas. A equipe da DRCO com apoio da DRE passou a monitorar os passos do grupo até que, nesta quarta-feira (26), eles foram abordados em três momentos diferentes.

Edson, Gilvandro e Marcos Ricardo foram presos no interior de um carro, em Irituia. Ainda, em Irituia, porém na rodovia BR-010, foi preso “Mengo”, enquanto pilotava uma moto. Em Capitão Poço, foram presos Bruno Carioca, Elielson e Elienai, que estavam em uma caminhonete, dentro da qual foram apreendidas as armas, munições, rádios e maçarico. Os presos foram conduzidos para a DRCO em Belém para serem ouvidos em depoimento.

Aos policiais, eles alegaram que iriam assaltar um empresário na região. “Acreditamos que eles pretendiam assaltar uma instituição financeira, até pela existência do maçarico”, detalha o delegado André Costa. Segundo o delegado Evandro Araújo, todos os presos têm passagem pela Polícia por roubo. Dois deles, Elielson e Bruno, foram presos este ano em Santa Maria do Pará, de posse de um carro roubado. Na época, eles confessaram que pretendiam assaltar um banco na região, na modalidade extorsão mediante sequestro, mais conhecida como “sapatinho”, em que iriam sequestrar um bancário e a família dele, para obrigá-lo a liberar o dinheiro do cofre da agência.

Fonte: Diário do Pará

364 Total Views 1 Views Today
Compartilhe com seus amigos!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Verifique

Veja :Polícia prende dois homens acusados de fabricação de armas de fogo caseiras

A Polícia Civil prende em Novo Repartimento, no sudeste do Pará, dois homens responsáveis por …

Comentários no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *